Alunos de Rio Claro/SP são finalistas na 16ª FEBRACE - 2018

Na foto em azul: Anna Carolina Peres, Vinicius Albiazetti, Gustavo Scatolin, representando o Claretiano Colégio, já em verde: Nicolle Dourado da Silva e Amanda Müller do Colégio Koelle.


Em sua 16ª edição a FEBRACE - Feira Brasileira de Ciências e Engenharia contou com 346 projetos finalistas de todo o Brasil. Neste ano, Rio Claro/SP marcou presença com expressiva participação no evento, ao todo 11 alunos rioclarenses participam dessa que é a maior mostra brasileira de projetos pré-universitários em ciências e engenharia.

SOLUÇÃO E DIFUSÃO DA IMPORTÂNCIA DO DESCARTE CORRETO DE MEDICAMENTOS
Com um projeto que tratou da necessidade de se conscientizar, alertar e propor uma solução para o problema do descarte irregular dos medicamentos, os três finalistas do Claretiano Colégio trabalharam este desafio em nossa cidade. "O projeto se destaca pela importância de se trabalhar esta questão no mundo atual. O descarte irregular gera diversos prejuízos ao meio ambiente, sejam materiais ou financeiros, que caem na conta dos governos e da população pagadora de impostos", disse Vinicius Albiazetti, aluno do 3° ano do Ensino Médio do colégio.

RELEVÂNCIA DO EMPODERAMENTO FEMININO E DO FEMINISMO ENTRE OS JOVENS
Já as alunas Amanda Müller e Nicole Dourado do Colégio Koelle trouxeram a tona a questão do empoderamento feminino e do feminismo entre os jovens de Rio Claro. "Promovemos palestras, atividades em grupo, dinâmicas e discussões em diversas escolas do município. Buscamos levar para os jovens a necessidade de se tratar deste assunto" argumentou Amanda Müller, estudante do 2° ano do Ensino Médio.


ALUNOS DOS COLÉGIOS OBJETIVO E PURISSÍMO TAMBÉM FORAM FINALISTAS

Gabriel Ribeiro do Amaral e Isabela Fontes Guglielmi do Colégio Objetivo direcionaram seus esforços para o projeto: Aplicativo mitose3d: uma interface entre a realidade aumentada e a divisão celular. Integrando a tecnologia com o estudo da biologia, sendo finalistas na categoria de Exatas - Ciência da Computação na feira.

A representante do Colégio Puríssimo fez seu projeto pensando no próprio ambiente escolar. Com o título: "Proposta de adaptação ergonômica do mobiliário escolar", a aluna Ana Julia Silva foi finalista na categoria das Ciências Biológicas.

Por fim, os alunos Ian Kim Rodrigues, Ian Victor Rubini Ruiz e Pedro Henrique de Siqueira Guimarães do Colégio Koelle levaram para a 16ª FEBRACE o projeto: "Cálculo de dose de insulina para diabéticos tipo 1: Comparação entre o cálculo baseado apenas na ingestão de carboidratos e na ingestão de carboidratos, lipídios e proteínas". Iniciativa finalista na categoria Engenharia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Kauan Alves é o primeiro rioclarense a receber o selo RenovaBR

A Lei de Responsabilidade Fiscal

[TUTORIAL] Como favoritar um vídeo no Youtube